Novo Renault Zoe em testes sob forte camuflagem

A Renault vai melhorar o seu campeão de vendas eléctrico, o Zoe. Durante algum tempo o pequeno elétrico tem sido consistentemente um dos carros mais vendidos em todos mercados europeus.

O facto de ter já alguma autonomia que permita algumas aventuras extra citadinas, bom equipamento e claro está, um preço já muito interessante levam a que este seja um veículo eléctrico de eleição.

No entanto o passar dos anos não perdoa e o Zoe será dentro em breve alvo de uma actualização geral. Se na parte exterior será ligeira, no interior terá um novo interface (Easy Link), um novo Dashboard e painel de instrumentos.

Mas será também alvo de um upgrade no seu drivetrain. O motor elétrico passará de 107 cv para 109 cv, com opção de um mais potente de 130 cv.

Mas o que interessa realmente é a autonomia que segundo consta irá ser de 400 km em ciclo WLTP, resultando numa autonomia real muito próxima do anunciado, ao contrário do ciclo NEDC que anunciava os mesmos 400 km mas que na realidade traduzia-se nuns 300 km muito difíceis de atingir.

Uma grande novidade é o carregamento rápido que agora é com CCS, possibilitando atingir os 100 kW, baixando muito provavelmente o tempo de carregamento para os 30 minutos e 300 km (especulamos).

Melhor ainda é a possibilidade de redução de preço o que é ainda uma surpresa mais que agradável!

One thought on “Novo Renault Zoe em testes sob forte camuflagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *