O antes e o depois dos veículos elétricos

Desde a uns tempos que quando surgia um veículo eléctrico no mercado este era logo conotado como um “Tesla killer”. A exposição mediática de um produto melhor que a Tesla poderia oferecer era simplesmente a melhor publicidade que esse mesmo produto poderia ter.

Com o passar dos anos e de muitos não lançamentos e decepções os “Tesla killers” foram deixando de surgir e a comunicação foi sendo alterada, pois o efeito do apregoado “tesla killer” em vez de gerar uma expectativa positiva passou a ter o efeito oposto, ou seja, “aí está um conceito/veículo que promete mas depois desilude”.

Neste momento vemos marcas como a Hyundai/Kia a adoptar abordagens totalmente diferentes na divulgação dos seus produtos. Ou então como a Byton que em vez de se publicitar somente como fabricante de automóveis esta vende uma experiência enquanto o consumidor se desloca de a para b rentabilizando o seu tempo em viagem.

O mercado automóvel está a mudar muito rapidamente e enquanto os grandes fabricantes automóveis ainda tentam escoar os seus veículos a combustão, as startups como Byton Rivian etc entram em jogo com opções realmente diferenciadoras no mercado automóvel.

São tempos de mudança que se adivinham e literalmente electrizantes…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *